Resenhas

[Resenha Pocket] O Grande Gatsby + Você escolhe!

Olá leitores!

Hoje venho com mais uma resenha rápida com o livro ganhador da votação da semana passada.

Pra quem não acompanhou, fiz uma resenha rápida e eu coloquei em votação qual seria o próximo livro a ser resenhado. E o ganhador foi….. “O Grande Gatsby”! Um livro que eu AMO de paixão!

Como ando muuito atarefada com a Universidade e com a empresa júnior meu tempo para dedicar ao blog está limitado. Pra não deixar de postar semanalmente optei por esse tipo de resenha pra ganhar tempo e conseguir conciliar meus afazeres e não deixar meus leitores sem conteúdo. A proposta é de criar resenhas mais curtas, sem ficha técnica, sem comentar da diagramação e sem realizar a imersão no universo do livro, como eu costumava fazer.

Resolvi mudar o nome desse tipo de post pra Resenha Pocket, sugestão da Lívia Gomes do blog  “Jardim de Letras”.  – Valeu Lívia! Este nome ficou beeem melhor!

Então sem enrolação, vamos lá.

1202920-250x250“Obra-prima de Scott Fitzgerald, O Grande Gatsby é o romance americano definitivo sobre os anos prósperos e loucos que sucederam a Primeira Guerra Mundial. O texto de Fitzgerald é original e grandioso ao narrar a história de amor de Jay Gatsby e Daisy. Ela, uma bela jovem de Lousville e ele, um oficial da marinha no início de carreira. Apesar da grande paixão, Daisy se casa com o insensível, mas extremamente rico, Tom Buchanan. Com o fim da guerra, Gatsby se dedica cegamente a enriquecer para reconquistar Daisy. Já milionário, ele compra uma mansão vizinha à de sua amada em Long Island, promove grandes festas e aguarda, certo de que ela vai aparecer. A história é contada por um espectador que não participa propriamente do que acontece – Nick Carraway. Nick aluga uma casinha modesta ao lado da mansão do Gatsby, observa e expõe os fatos sem compreender bem aquele mundo de extravagância, riqueza e tragédia iminente.”

o-grande-gatsby-cena-4

Durante algum tempo, esses devaneios proporcionavam uma válvula de escape à sua imaginação; eram uma sugestão satisfatória da irrealidade da realidade, uma promessa de que o rochedo do mundo se apoiava com segurança sobre uma asa encantada.

Bom, o que dizer desse livro? Que eu amo todo mundo já sabe né?! Mas por quê?

Simplesmente porque eu não gosto de romances melosos, (tipo Nickolas Sparks) no máximo li “A Culpa é das Estrelas” de romance no último ano. Já vou adiantando que o Grande Gastby é um romance que não termina com um “felizes para sempre”, logo não crie expectativas de finais convencionais. Isto é o que torna o livro incrível!

Ter um Gatsby na vida é o sonho de muitas meninas por aí! Um cara que faz de tudo para te reconquistar, que depois de anos do fim do relacionamento só tem olhos pra você. Que compra uma mansão do lado da sua e dá festas com a esperança de você aparecer algum dia. (que fofo!) Mas este também foi o maior erro de Gatsby: viver um amor platônico que não é correspondido da maneira esperada.

O livro é narrado por uma 3ª pessoa, Nick Carraway, que se torna o melhor amigo de Gatsby e é primo de Daisy. O bacana é que sabemos o que acontece no romance como um mero expectador. Já que o Nick participa apenas como o amigo e vizinho de Gatsby, nó tomamos conhecimento apenas do que ele sabe e não tendo acesso, por exemplo, aos pensamentos e sentimentos dos protagonistas do romance.

Além de tudo isto, o livro é recheado de frases incríveis, lições de vida e amor e metáforas.

tumblr_muw057EZIl1qbwxizo1_500

(…) perdera aquele seu cálido e antigo mundo, pago um preço demasiado alto por haver vivido com um único sonho.

Termino esta resenha indicando – muito – este clássico da literatura americana. Indico também um post de sucesso aqui do Blog: 07 Lições de Vida do livro “O Grande Gatsby”. Para finalizar deixo a indicação do filme de 2013 ,estrelado por Leonardo DiCaprio como Gatsby (<3) e Tobey Maguire [antigo homem aranha] como Nick Carraway.

OBS: O filme é um pouco exagerado, cheio de efeitos e muito brilho pra tudo parecer muito grandioso. Esta é uma característica do diretor Baz Luhrmann, mas isto não me incomodou em nenhum momento. Achei o filme ótimo!

Nenhuma quantidade de fogo ou frescor pode desafiar o que um homem irá guardar em sua fantasmagórico coração.

Bom, espero que vocês tenham gostado da resenha pocket desta semana. Se vocês quiserem, depois posso fazer uma resenha COMPLETA, falando das edições, diagramação, escrita do autor e tudo mais que achei sobre o livro. (Se muita gente pedir nos comentários farei um esforço pra fazer.)

gatsby-dois


E agora você escolhe a próxima resenha pocket:

– Mago Aprendiz – Raymond E. Feirst;

– O Símbolo Perdido – Dan Brown;

– O Lado Bom da Vida – Matthew Quick;

 Votem nos comentários!! [Também pode deixar sugestões de outros livros pras próximas resenhas pocket.]

beijos

Anúncios

24 comentários em “[Resenha Pocket] O Grande Gatsby + Você escolhe!

  1. aaahh Jess!! Adorei que vc aderiu ao título! haha obrigada!
    oq dizer dessa resenha q é pequena mas já me atingiu de uma maneira imensa?! Tô querendo comprar esse livro pra ontem!!! Eu já tinha lido o post com as lições q o livro traz e confesso q já havka me encantado daquela vez. Só não comprei o livro ainda por falta de $$$.
    Enfim… escolho “O Símbolo Perdido” para a próxima ❤
    bjos

    Curtido por 1 pessoa

  2. Eu adorei o formato da resenha. E acho que um dia desses vou usar (mencionarei seu blog).

    Eu vi o filme e também gostei muito. Tenho vontade de ler o livro, pois achar que vai contribuir ainda para eu entender toda a história. Meu foco é mais a sociedade americana da década 20. O pós-guerra, a economia americana. O tão falado “sonho americano”.
    O romance em si não me chama muito atenção. Acho que sou pior do que você, pois vou além em relação a isso.

    Beijos!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Voto no Mago Aprendiz para resenha! 😀
    Tenho Gatsby na lista de leitura há tempos, mas como ainda não o tenho na estante, fica esperando ser comprado! Vamos ver se consigo fazer isso logo para também poder ver o filme, que tenho muita curiosidade!

    Curtir

  4. Oi Jessica!
    Não li o livro, apesar de querer mto conhecer a escrita de Scott Fitzgerald…
    Assisti o filme e amei… Imagino que se o filme ficou bom o livro deve ser ainda mais…
    Para próxima resenha voto no Mago Aprendiz, de Raymond E. Feirst.

    Bjo
    =]

    Curtido por 1 pessoa

  5. Oi, flor!
    Eu sou louca por esse livro, mas na edição da Geração, com a capa do filme e em hardcover (vi na livraria e a achei belíssima). Gostei da proposta de uma resenha mais curta e direta. 🙂 Saber que você curtiu o enredo e a narrativa de Gatsby me animou a adquirir logo meu exemplar para degustá-lo. Acho que vou amar! A adaptação cinematográfica foi tão incrível (com o Leo DiCaprio), que vendeu completamente a ideia de ler a obra para mim.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    Curtir

  6. Só achei engraçado por você falar que não gosta de livros no estilo Sparks, mas falou que O Grande Gatsby não tem um final feliz. Nenhum livro do tio Sparks tem final feliz. Acredite em mim…hahaha
    Bom, conheci esse livro depois do lançamento do filme, mas não me interessou tanto. Claro que tenho curiosidade pelo tanto que falam, mas não é algo que eu morra para ler.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oie. Não gosto do Nicolas Sparks não é pela escrita dele e nem por causa dos finais, que sei q na maioria das vezes é beeem trágico. Não gosto porque acho MUITO romântico, tudo muito profundo, sei la…. hahahaha Leia O Grande Gatsby, você não vai se arrepender!! Bjos

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s