Resenhas

Resenha: Extraordinário. Um livro que todo mundo deveria ler! R.J Palácio

Quem nunca julgou um livro pela capa?

Quem nunca julgou uma pessoa pela aparência?

Isso é algo comum em nosso dia a dia, principalmente na vida das crianças e jovens, não é mesmo? Essa prática é chamada “bullying” e consiste em praticar agressões intencionais, verbais ou físicas, feitas de maneira repetitiva, por um ou mais alunos contra um ou mais colegas.

Tendo esses devaneios como base, hoje a resenha é sobre este livro EXTRAORDINÁRIO! (desculpem o trocadilho).


caixa curtir rp


Primeiramente a sinopse:

Extraordinário – O livro conta a história de Auggie, um menino que nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial. Em um manifesto em favor da gentileza, ele enfrenta uma missão nada fácil quando começa a frequentar a escola pela primeira vez: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

extraordinario-frase

Sendo o mais direta possível, esse livro mostra ao leitor “O outro lado da moeda” de uma forma incrível!! Ta aí um motivo pelo qual todo mundo deveria lê-lo: ele trata a prática do Bullying não só pela visão de quem o sofre, que neste caso é uma criança, mas também pela visão dos familiares e amigos mais próximos do personagem principal.

Como se trata de uma narrativa de fácil compreensão voltada para o público infantil, o tema é abordado de forma impactante, mas ao mesmo tempo infantil. A narrativa foi escrita de uma forma que uma criança ou um adulto compreenda como devemos levar a sério essa coisa de julgar as pessoas pela aparência e também, mostra para aquela pessoa que gosta de “zoar” o coleguinha como isso magoa (e muito)! Em vários momentos me senti na pele do personagem principal e fiquei com muita, muita, muita pena dele!

Não imagino como seria minha vida se eu tivesse a aparência dele e acho que eu não conseguiria levar a vida da forma tão leve e descontraída como ele leva.Também fiquei imaginando como será quando o August crescer um pouco mais e chegar à adolescência, onde as crianças são dez vezes mais cruéis! =/

Além de tudo isso, o livro nos faz perceber como algumas pessoas podem ser más. Muitas vezes acreditamos que as crianças falam as coisas “na inocência” ou que não sabem o que é certo e o que é errado. Realmente, muitas crianças falam as coisas de forma sincera sem medir as consequências, mas existem crianças que são realmente maldosas e sabem muito bem o que estão dizendo!

Tomem muito cuidado, mães e pais! Vocês precisam estar atentos ao que seus filhos falam e pensam ainda na infância, pois é nessa fase da vida que eles estão formando suas personalidades. Se eles já crescem com essas mentes malignas, quem eles serão no futuro?

O principal é saber educar! Mostrar para eles o quão errado é julgar alguém e as consequências que isso pode trazer pra aquela pessoa. Uma boa dica é você presentear aquele seu filho/sobrinho maldoso com esse livro!

Poxa, acho realmente que esse livro deveria ser de leitura obrigatória nas escolas de base do Brasil e do mundo! Todo mundo precisa ler esse livro, é sério!

Só pra complementar, devido ao sucesso de “Extraordinário”, a autora já lançou outro livro na mesma série, chamado “365 Dias Extraordinários” que é um livro de preceitos inspiradores e pensamentos para nos tornarmos pessoas melhores. Não é um máximo??

Finalizo então esta resenha deixando 5 estrelas e uma super dica de livro pra todas as idades! Espero que vocês leiam.

Não se esqueçam de deixar um comentário sobre o que você acha sobre isso, se já leu ou ficou curioso para ler. Vou adorar conversar com você!

Um grande beijo!

Até Breve.

FICHA TÉCNICA

Título: Extraordinário (Wonder)5 estrelas

Autora: R. J. Palácio

ISBN-13: 9788580573015

Editora: Intrínseca

Ano: 2013

Número de páginas: 320

Área principal: Infanto-juvenil. Jovens-adultos.


caixa curtir rp


Anúncios

13 comentários em “Resenha: Extraordinário. Um livro que todo mundo deveria ler! R.J Palácio

  1. Oi Jess! eu li esse livro e de verdade, não tem como não amar! Ele é tudo isso aí q vc disse e ainda mais um pouco.
    acho que é o tipo de livro q pode mudar uma vida.
    enfim… a autora também fez um livro pela visão do Julian. se chama “O Capítulo do Julian”. deve ser interessante também pq mostra todo o ponto de vista do antagonista da história.
    adoreei a resenha!
    bjinhos

    Curtido por 1 pessoa

  2. Olá
    Achei fantástica a resenha do livro, esse Auggie é incrível.
    Este livro não só deveria fazer parte dos livros extra classe das crianças, como ser um livro de leitura obrigatória para adultos também.( Eu trabalho com alunos autistas e com síndromes diversas e sei como é sofrer por isso).
    Adorei o Blog, me avise quando publicar.
    Estou elaborando um blogroll e quero colocar o seu blog. lá.
    Bjs e muito sucesso.
    http://www.maisqueumaviajante.com.br

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá Isabel. Que bom que você gostou! Minha mãe é professora e psicopedagoga e também trabalha com crianças que possuem TDAH. Acho que esta leitura deveria ser obrigatória pra todos os pais, filhos e educadores, pois é uma história fantástica! Vou publicar hoje mais tarde. Se você quiser, pode receber todas as publicações do blog no seu e-mail. É só seguir via e-mail no painel do lado direito. Obrigada pelo elogio, vou visitar o seu blog também. Abraços.

      Curtir

  3. A resenha????ADOREI!!!!!comecei o curso de pedagogia e vou com certeza lê,eu consigo baixar para lê?????Sou negra e sofria muito nas escolas onde estudei até a 7°,6° série quando comecei a entender que eu teria que demonstrar que minha cor é linda que eu amo ser negra,a partir deste dia não permitir mais sofrer bullying e ganhei concursos na escola com miss simpatia por 03 vezes….

    Curtir

  4. Acabei de ler ele ontem e a primeira coisa que me veio a cabeça foi em como algumas crianças podem ser maldosas. As vezes por não entender, ou até mesmo por causa de como são criados. Provavelmente eu seria uma dessas crianças que ficariam um pouco assustadas e agiria um pouco mal, a maioria das crianças não estão prontas para o desconhecido.. E fiquei pensando no que podemos fazer pra mudar isso… Penso que, infelizmente hoje em dia os país não conversam muito com os filhos pra lhes ensinar o certo e errado. E daí conversar com os filhos é um grande passo pra não deixar que sejam maldosos ou que sejam os alvos, e mesmo que sejam os alvos ajudar eles a lidar com isso. Eu adorei o livro e adorei o Auggie! É uma leitura super leve e com boas lições!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s